• Redação CDPV

União de entidades reforça setor turístico de São Paulo

Marcos Lucas, presidente da AVIESP, fala sobre perspectivas para retomada das viagens no Brasil



São Paulo é um dos gigantes do turismo nacional, com o maior ticket médio em viagens e é um dos locais que mais recebem eventos do Brasil e internacionais. E recentemente o estado ganhou mais força no setor com a união de duas importantes instituições, a Associação Brasileira das Agências de Viagens de São Paulo (ABAVSP) e a Associação das Agências de Viagens do Interior do Estado de São Paulo (AVIESP), a ABAVSP/AVIESP.


Em entrevista para o podcast BóraVoar, do palestrante de vendas mais contratado do Brasil, Diego Maia, o presidente da AVIESP, Marcos Lucas, falou sobre os desafios do setor de turismo na pandemia e perspectivas para a retomada. Confira abaixo.


Diego Maia - Como é que os agentes de viagens estão se preparando para a retomada?


Marcos Lucas - O turismo no Brasil vem de uma retração muito forte no ano passado em função da pandemia, o que é natural. Mas nós estamos observando uma grande demanda reprimida.


"E na medida em que essa vacina vai avançando, e o nosso setor é muito otimista quanto a isso, nós vamos poder retomar as viagens e muita coisa boa está sendo preparada." Paulo Michel

Diego Maia - Como o setor se preparou durante essa pandemia?


Marcos Lucas - Primeiro a gente veio capacitando os profissionais do setor desde o ano passado com eventos online, com a capacitação de todos os produtos novos que devem sair no mercado. E à medida em que especialmente os voos vão retomando, hoje mais de 50% da malha aérea brasileira voltou a voar, nós vamos ter grandes produtos e uma enxurrada, eu tenho certeza, de pessoas querendo passear. Afinal de contas, o sonho de viagem é uma expectativa muito natural e positiva de todas as famílias. Muita gente se habituou a ficar pelo menos uma semana anual viajando.


Então, as agências de turismo legalizadas e estabelecidas no país, especialmente no Estado de São Paulo, que é um polo emissor, já estão preparando coisas para o verão de 2022.


"Mesmo com algumas alterações de férias escolares, nós vamos ter um verão bastante movimentado no nosso setor, eu tenho certeza." Paulo Michel

Diego Maia - Marcos Lucas, você acredita que os protocolos de proteção sanitária continuarão sendo executados? O que muda no pós pandemia na sua opinião?


Marcos Lucas - Quanto aos protocolos de segurança, nós estamos seguindo à risca. Independentemente de qual plano seja, de que estado é, o destino do cliente, muita gente já está retomando as suas viagens nesse momento e o turismo nacional está em evidência. Até porque alguns países estão com fronteiras fechadas e isso deve provocar um grande incremento com essa retomada dos roteiros nacionais.


Diego Maia - Faz diferença o destino, para qual estado o cliente vai?


Marcos Lucas - O agente está de olho, obviamente, em cada estado de destino do cliente para orientá-lo melhor quanto a documentação, a necessidade de estar comprovando a vacinação. O Governo (Federal) trabalha com a ideia de criar um passaporte de vacinação e estamos antenados com tudo isso. E os protocolos vão continuar: o uso da máscara e do álcool gel não vai parar, obviamente. E aqueles cuidados de não se aglomerar muito, é algo que a gente vem dia a dia orientando os nossos clientes nas agências de turismo. A grande vantagem desse público é que ao longo desse tempo, em função desses protocolos e da impossibilidade de viagens, os agentes de viagem remarcaram o bilhete, cancelaram ou pediram o reembolso dos clientes que desejaram.


Diego Maia - Foram muitos cancelamentos ou o pessoal esperou para aproveitar a viagem depois?


Marcos Lucas - Eu diria a você que quase 90% do mercado preferiu deixar o crédito de viagem para ser usufruído num prazo de 18 meses, que é o que a legislação que foi criada nesse período prevê. Então veja que ela foi feita para garantir os direitos do consumidor e sempre nesse viés de não frustrar o sonho de viagem dele, que é o mais importante. Todo mundo sonha em viajar, todo mundo planeja muito tempo e empreende bastante dinheiro para isso. Então nós temos mais é que cuidar para que essa viagem seja bacana.


***


Você pode conferir mais entrevistas exclusivas no Portal CDPV e ouvi-las no podcast BóraVoar no seu navegador ou na sua plataforma de streamings preferida, como o Spotify, por exemplo.



Sobre o Diego Maia


Diego Maia é o palestrante de vendas mais contratado do Brasil. Com 6 livros publicados, atua no mercado de palestras e treinamentos de vendas desde 2003. Apresenta o BóraVoar, programa que está no ar em diversas emissoras de rádio como Antena 1 (103,7 FM Rio de Janeiro) e Mais Brasil News (101,7 FM Brasília). O programa também é publicado diariamente em todos os aplicativos de podcasts.


Diego Maia é CEO do CDPV (Centro de Desenvolvimento do Profissional de Vendas), escola de vendas pioneira no Brasil, especializada em treinamentos de vendas presenciais e online.